Tipos de soquetes para lâmpadas!

Em Componentes elétricos por Henrique Mattede

Provavelmente você já ouviu falar sobre soquete e bocal para lâmpada, mas você sabe quais tipos existem? No artigo de hoje, o Mundo da Elétrica vai falar sobre os modelos de soquete disponíveis no mercado. Então, vamos lá pessoal!

Popularmente conhecido como soquete, boquilha ou bocal para lâmpada, o receptáculo é o componente de uma instalação elétrica que tem como função principal fazer a conexão entre o circuito elétrico e a lâmpada.

O soquete é essencial na instalação elétrica, uma vez que a lâmpada só irá funcionar quando encaixada a um receptáculo correspondente!

Tipos de soquetes de lâmpadas

Existem diversos modelos de soquete e para saber qual o tipo específico para a sua lâmpada basta ler o rótulo da lâmpada.

Os receptáculos para lâmpadas são classificados como tipo E para lâmpadas comuns, tipo GU, MR e GX para lâmpadas dicroicas e como soquete para lâmpada tubular.

Lâmpada tipo rosca

Para as lâmpadas do tipo rosca, os modelos mais comuns no mercado são os E14 e E27.

O nome desse tipo de soquete se inicia com a letra E em referência a Thomas Edison, o inventor da lâmpada. Em seguida se apresentam os números 14 ou 27, que estão relacionados ao diâmetro da base de encaixe da lâmpada (14mm e 27mm).

Esses tipos de soquetes fazem a fixação da lâmpada por meio de uma rosca. Na imagem abaixo, é possível ver um modelo de soquete para lâmpada tipo rosca.

Modelo de bocal para lâmpada.

Soquete para lâmpada tipo rosca.

Lâmpada tipo pino

Para as lâmpadas do tipo pino, são utilizados os modelos GU10 e GU5.3.

O modelo GU10 tem pinos mais grossos e é utilizado em lâmpadas que operam em tensão de rede 127V, 220V ou bivolt. Por ter pinos mais grossos, sua fixação é melhor e apresenta maior segurança na instalação.

O modelo GU5.3 tem pinos finos e é utilizado em lâmpadas que operam em baixa tensão, geralmente 12V. Nesses casos, para o funcionamento, a lâmpada requer um driver que irá converter a tensão da rede em 12V para a correta alimentação da lâmpada.

Veja na imagem abaixo um modelo de soquete para lâmpada tipo pino.

Modelo de bocal para lâmpada.

Soquete para lâmpada tipo pino.

Lâmpada tubular

Para as lâmpadas do tipo tubular, os modelos usados mais comuns são o G5 e o G13, que alimentam as lâmpadas T5 e T8, respectivamente.

Esses modelos de lâmpadas utilizam normalmente dois soquetes, um em cada ponta, mas atualmente já existem lâmpadas em que é necessário apenas um soquete para o funcionamento. Esta questão deve ser checada no momento da compra da lâmpada.

No caso da lâmpada tubular, para a fixação mecânica algumas vezes são necessárias presilhas metálicas, além dos soquetes, uma vez que o comprimento da peça pode chegar até 1,20m.

Veja na imagem abaixo um modelo de soquete para lâmpada tipo tubular.

Modelo de bocal para lâmpada.

Soquete para lâmpada tipo tubular.

Lâmpada halopin

O termo Halopin denomina tipos de lâmpadas que têm tamanho bastante reduzido e são usadas principalmente para fins decorativos.

Os modelos de soquete mais comuns são G4, G9 e G14, sendo o G9 mais amplamente usado. Eles são bem pequenos para encaixar nas lâmpadas e têm 2 pinos!

Veja na imagem abaixo um modelo de soquete para lâmpada tipo halopin.

Modelo de bocal para lâmpada.

Soquete para lâmpada tipo halopin.

Driver

O driver, também chamado de fonte ou transformador de tensão, é o equipamento responsável pela passagem da corrente elétrica da rede para a lâmpada ou luminária.

Normalmente transforma a tensão de rede (127V / 220V) para 12V ou 24V, dependendo da tensão de operação da lâmpada ou luminária em questão. São bastante utilizados com as fitas LED, que em sua maioria no mercado operam em baixa tensão, embora existam modelos que operam em tensão de rede.

Veja na imagem abaixo um modelo de soquete tipo driver.

Modelo de bocal para lâmpada.

Modelo de soquete tipo driver.

Quer aprender ainda mais? Assista o vídeo abaixo do canal Mundo da Elétrica.

Gostou do artigo? Compartilhe com os seus amigos. Não se esqueça de nos acompanhar nas redes sociais! Deixe abaixo nos comentários dúvidas ou sugestões e te responderemos.

Sobre o autor

Autor Henrique Mattede

Eletricista desde 2006, Henrique Mattede também é autor, professor, técnico em eletrotécnica e engenheiro eletricista em formação. É educador renomado na área de eletricidade e um dos precursores do ensino de eletricidade na internet brasileira. Já produziu mais de 1000 videoaulas no canal Mundo da Elétrica no Youtube, cursos profissionalizantes e centenas de artigos técnicos. O conteúdo produzido por Henrique é referência em escolas, faculdades e universidades e já recebeu mais de 120 milhões de acessos na internet.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário