Lâmpada incandescente, lâmpada fluorescente, lâmpada de led e etc. Sabemos que na história existiram vários tipos de lâmpadas, e a evolução da elétrica atualmente nos permite ter uma ótima iluminação com cada vez mais eficiência. Neste artigo o Mundo da Elétrica vai falar sobre a história da lâmpada, então vamos lá pessoal!

Lâmpada elétrica: História

Esse artigo junta duas coisas bem legais! A primeira é que através de uma experiência você vai poder conhecer um pouco da história da eletricidade. A segunda coisa bem legal é que muita gente acha que a lâmpada foi inventada por Thomas Edison, mas a grande verdade é que a primeira lâmpada foi descoberta por Sir Humphry Davy, por volta de 1802.

Aqui no site tem um artigo completo sobre a vida e a história de Thomas Edison. Quem conhece a sua história, sabe que o ano de 1802 foi 45 anos antes do nascimento de Edison. Sendo assim, o certo é dizer que Thomas Edison aperfeiçoou todos os estudos sobre as lâmpadas, além de patentear a lâmpada incandescente como a conhecemos hoje.

Lâmpada de led, lâmpada fluorescente e lâmpadas incandescente

Conheça a história da primeira lâmpada incandescente da história

Invenção da lâmpada elétrica

Então o que Sir Humphry Davy fez? Em meados de 1802 ele usou um banco de 2.000 células para gerar um arco de luz entre dois bastões de carvão. É algo bem parecido como uma pilha muito grande, mas muito grande mesmo!

Na época do experimento, o uso de uma bateria de 2000 células tornava uma lâmpada deste tipo inviável para comercializar. Porém, isso revelou que a eletricidade poderia produzir iluminação de alta intensidade, mas para isso seria necessário contar com uma fonte de energia confiável, e também que fosse possível reduzir o desgaste dos bastões de grafite de carbono.

Experimento da lâmpada elétrica

Para esse experimento eu usei um transformador de 12V e nas pontas dos cabos de saída deste transformador, eu coloquei dois jacarés prendendo um grafite de carbono de lapiseira. Esse experimento mostrado na imagem abaixo é princípio da lâmpada incandescente.Caso você não saiba o grafite de carbono é um ótimo condutor elétrico, e por isso ele esquenta tanto e emite luz quando o transformador é ligado. Isso acontece justamente porque tem a formação de um curto-circuito direto no grafite.

Quem inventou a lâmpada, Thomas Edison?

Lâmpada elétrica, experimento com o princípio da lâmpada incandescente!

Repetimos novamente o experimento do Sir Humphry Davy, mas desta vez usamos dois bastões de grafite de carbono bem maiores e mais grossos. Eles foram retirados de duas pilhas grandes, e na imagem a seguir é possível ver como o arco elétrico é muito mais forte e o brilho muito mais intenso!

Quem inventou a lâmpada, Thomas Edison?

Arco elétrico simulando uma lâmpada incandescente!

Para realizar este experimento eu apliquei uma tensão de aproximadamente 14V entre os bastões, e eu também coloquei uma resistência de chuveiro em série com o meu circuito. Quando as resistências estão em série a corrente que passa por elas é a mesma, mas a tensão se divide.

Então neste experimento temos 2 resistências em série, a resistência do chuveiro que vai receber a maior parte da tensão elétrica da rede, e também a resistência do ar entre os bastões de grafite de carbono.

Quando aproximamos as duas pontas de grafite de carbono, a resistência do ar é rompida e um arco elétrico é formado entre elas. As pontas das hastes de carbono são aquecidas e o carbono se evapora. Este vapor de carbono no arco é altamente luminoso!

Atualmente isso pode parecer loucura, mas após ser um pouco aprimorada essa lâmpada foi usada para iluminação por volta de 1880. Na época a maior dificuldade enfrentada era que os eletrodos de carvão iam se desgastando, e quando o espaço entre os carvões ficava muito grande, o arco se dissipava e a lâmpada apagava.

Vários estudos e experimentos foram realizados para aprimorar o mecanismo e resolver este problema. Nesta época inúmeras patentes foram criadas, e alguma delas você pode ver na imagem abaixo. São diversos sistemas eletromecânicos que permitiam que o carvão se ajustasse de forma automática, sendo que grande parte deles tinham como base o uso de solenoides.

Quem inventou a lâmpada, Thomas Edison?

Patentes dos sistemas de solenoides da lâmpada elétrica

Outra curiosidade muito interessante é que essa lâmpada foi muito usada nos primeiros projetores lá no início do cinema. Quem vê a tecnologia de hoje nem consegue imaginar isso não é mesmo?

Neste vídeo abaixo do Mundo da Elétrica você pode ver na prática esse experimento que explicamos aqui. Vale muito a pena assistir para entender cada detalhe e aprimorar ainda mais os seus conhecimentos sobre o tema!

Hoje em dia a iluminação evoluiu muito e temos diversas tecnologias bem avançadas para iluminação! A evolução jamais vai parar, porque as empresas estão sempre buscando o melhor aproveitamento energético. Sendo assim, em breve a gente pode voltar aqui no site para contar um novo capítulo dessa história.

Gostou deste artigo? Envie para todos os seus amigos e familiares! Vamos fazer o máximo de gente possível saber como começou a história da lâmpada que tem aí na sua casa!

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)