O surto elétrico pode queimar aparelhos elétricos e eletrônicos e estes surtos podem ocorrer devido á raios que caem sobre a rede elétrica, partida de grandes motores elétricos e outras anomalias que podem ocorrer nas instalações elétricas. Por isso devemos usar sempre um DPS, que é o dispositivo de proteção contra surto!

O uso correto de um DPS residencial promove uma proteção adequada para os surtos que ocorrem na rede elétrica, mas aí surge algumas dúvidas bem comuns, onde instalar DPS e qual escolher? No mercado existem várias marcas: DPS Clamper, DPS Siemens, DPS Schneider, DPS Abb, DPS Altronic, DPS Alumbra, DPS Fame, DPS Lukma, DPS Exatron, DPS Soprano e outros! Estes dispositivos são separados por DPS tipo 1, DPS tipo 2 e DPs tipo 3.

Pensando nestas dúvidas, preparamos um artigo bem completo que vai explicar tudo sobre a posição de instalação do DPS. Veja se você deve instalar o DPS antes ou depois do disjuntor geral?

Como funciona o DPS?

Com relação ao DPS é importante entender que quando ocorre um surto, o DPS desvia este surto para o sistema de aterramento, isto ocorre numa fração de segundos e costuma ser tão rápido, que o disjuntor nem chega a detectar esta fuga para aterramento. Exatamente por isso que o DPS é ligado fase de um lado e terra do outro.

Parece mesmo que você está fechando um curto circuito entre fase e terra, e na verdade quando o DPS detecta um surto, ele fecha sim um curto entre fase e terra, mas isso acontece em um período extremamente curto de forma que não seja prejudicial para a instalação.

O grande problema é quando o DPS chega ao fim da vida útil, ou seja, quando o circuito interno dele não consegue mais fazer este fechamento rápido para terra. Em alguns casos quando o DPS queima ele fecha um curto permanente entre fase e terra e aí sim temos um enorme problema. Para resolver isso, a norma NBR 5410 regulamenta o uso de dispositivos de proteção para o DPS, isso mesmo disjuntores para proteger o DPS, estes disjuntores são chamados de dispositivos de desconexão. Então, em caso de um curto permanente devido à queima do DPS, o disjuntor irá desarmar impedindo a fuga para terra.

Onde instalar o DPS?

A posição do DPS e do disjuntor geral tem a ver com esse dispositivo de desconexão, porque o disjuntor geral pode ser usado como dispositivo de desconexão. A norma prevê casos em que o próprio DPS tenha internamente um dispositivo que permita a desconexão, ou seja, para estes casos a norma diz que não é preciso disjuntor para proteção do DPS.

O DPS pode ser instalado antes do disjuntor geral como mostra a imagem 14 da NBR 5410, no item a), neste caso é usado um disjuntor de desconexão, ou que o próprio DPS consiga se desconectar impedindo um curto permanente, veja na imagem abaixo.

DPS onde instalar?

Exemplo de posicionamento de instalação do DPS antes do disjuntor

Nesta primeira opção de posicionamento, fica assegurada a continuidade de serviço, ou seja, no caso de falha do DPS, o sistema continua funcionando assim como mostra na imagem a seguir. Em contrapartida, isso também significa que existe uma ausência de proteção contra qualquer novo surto que venha a ocorrer.

DPS onde instalar

Funcionamento de um sistema com DPS instalado antes do disjuntor após um surto

Na segunda opção de posicionamento como mostrar a imagem 14 da NBR 5410, no item b), é usado um sistema que o disjuntor protege circuitos e o DPS, sendo interpretado como o DPS instalado depois do disjuntor geral, veja na imagem abaixo.

Como instalar DPS?

Exemplo de posicionamento de instalação do DPS depois do disjuntor

Neste posicionamento, a falha do DPS faz ativar o disjuntor que interrompe a alimentação do circuito, assim como mostra a imagem a seguir. Esta situação de circuito desligado vai continuar até que o DPS seja corretamente substituído.

O que é DPS?

Funcionamento de um sistema com DPS instalado depois do disjuntor após um surto

Para quem não conhece o que é surto elétrico e como escolher o DPS correto, vamos deixar abaixo uma sugestão de vídeo do canal Mundo da Elétrica, nele você pode acompanhar toda esta explicação que fizemos de uma forma bem didática e ainda terá acesso a 3 outros vídeos que falam exclusivamente de DPS, suas utilizações e instalações.

Para finalizar vamos deixar bem claro o que a norma NBR 5410 diz sobre a instalação do DPS! Segundo a norma NBR 5410, o DPS deve ser instalado em todas as instalações elétrica com o objetivo de prevenir surtos elétricos na rede! A norma permite que a instalação do DPS seja feita tanto antes, quanto depois do disjuntor geral. Portanto, cabe ao usuário observar quais são os pontos positivos e negativos de cada posicionamento de instalação, mas o que jamais deve ser feito, é manter a instalação funcionando sem o uso de um DPS.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

2 comentários para “Onde INSTALAR o DPS?”

  1. Ubiratan Batista Santos

    Sou estudante de Eletricidade no Instituto Conceito em Aracajú, tenho um exímio professor e não perco as aulas do professor Matedi do mundo da elétrica, estou desenvolvendo muito bem o meu conhecimento. Ambos estão de parabéns.

    Responder
    • Equipe Mundo da Elétrica

      Obrigado por nos prestigiar Ubiratan!

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)