Você conhece a Norma Regulamentadora NR10? Saiba o que é NR10 e quais são os pontos de regulamentação relacionados à esta norma. Veja porque é importante seguir as orientações da NR10 quando for realizar atividades com a eletricidade. Vamos lá pessoal!

NR10: Qual a sua origem?

Há muitos anos a eletricidade se tornou algo indispensável à sociedade e por isso, é cada vez mais importante investir em estudos, pesquisas e otimização dos serviços elétricos visando a sua ampliação. Todo este aumento gera novos empregos e com isso, cada vez mais pessoas atuam com serviços que envolvam a eletricidade.

Justamente por isso, o Ministério do Trabalho e Emprego através da Portaria nº 3.214, de 08 de junho de 1978, criou a norma regulamentadora nº 10 “Instalações e Serviços de Eletricidade”. Esta norma foi reformulada posteriormente pela Portaria n.º 598, de 07 de dezembro de 2004, continuando como norma regulamentadora nº 10, mas agora sendo intitulada como “Segurança em instalações e serviços em eletricidade”.

O que é NR10?

Curso da NR10 é importante! Do que fala essa norma?

NR10: Do que se trata?

O principal objetivo desta norma regulamentadora é abordar e regulamentar procedimentos e requisitos relacionado à área de segurança em instalações elétricas e serviços com eletricidade. Em outras palavras, a NR10 tem como objetivo estabelecer requisitos mínimos, buscando garantir a segurança e a saúde de todos os trabalhadores e pessoas que direta ou indiretamente possam interagir com as instalações elétricas.

NR10: Onde se aplica?

A norma regulamentadora nº 10 é aplicável para todas as empresas públicas, privadas ou qualquer outro estabelecimento que contrate funcionários que desenvolvam atividades relacionadas a elétrica como:

  • Fases de geração de energia
  • Transmissão de energia
  • Distribuição de energia
  • Consumo de energia
  • Construção de projeto elétrico
  • Montagem de projeto elétrico
  • Manutenção das instalações elétricas
  • Qualquer atividade realizada nas suas proximidades

NR10: Quais os riscos abordados?

A resposta correta seria, todos os riscos, e olha que não são poucos estes riscos para quem trabalha com serviços e instalações que envolvam eletricidade! Os acidentes envolvendo eletricidade podem causar lesões gravíssimas e levar até à morte. Esta norma deve ser aplicada para qualquer tipo de atividade exercida com eletricidade, até mesmo quando os profissionais estão trabalhando com eletricidades de baixa tensões. Neste aspecto é importante compreender que não deve ser descartada as medidas de prevenção coletivas e individuais. Tenha em mente que uma energização acidental pode causar danos não só para quem está perto, mas também para as pessoas que estejam interagindo com linhas adjacentes ou que cruzam a rede.

NR10: Medidas de controle?

De acordo com o item 10.2.1, em todas as intervenções em instalações elétricas devem ser adotadas as medidas preventivas de controle do risco elétrico e de outros riscos adicionais, mediante técnicas de análise de risco, visando garantir a segurança e a saúde no trabalho.

Outros dois pontos preventivos também devem ser destacados, o primeiro é o item 10.2.2, que fala das medidas de controle adotadas. Elas precisam estar integradas com as demais iniciativas da empresa, inclusive no âmbito da preservação da segurança, da saúde e do meio ambiente do trabalho. O segundo é o item 10.2.3, que fala que todas as empresas são obrigadas a manter esquemas unifilares atualizados de suas instalações elétricas, das especificações do sistema de aterramento e demais equipamentos e dispositivos de proteção.

Outro aspecto muito importante é que as empresas devem sempre levar em consideração o treinamento e formação do profissional, além da elaboração do mapa de risco e da identificação de riscos adicionais. Portanto, a medida de controle e prevenção não deve se limitar apenas à utilização dos EPI’s, que são os Equipamentos de Proteção Individual.

NR10: Choques elétricos

O principal risco relativo ao trabalho em eletricidade é sem dúvidas o choque elétrico, mas o que é choque elétrico? É o conjunto de perturbações de natureza e efeitos diversos, que podem se manifestar no organismo humano ou animal, quando este é percorrido por corrente elétrica. As consequências dependem das condições e intensidades desta corrente, podendo ser apenas uma ligeira contração superficial ou até mesmo uma violenta contração que em muitos casos leva a vítima à morte. Podemos classificar os choques elétricos em 3 categorias, são elas:

  • Choque produzido por contato com circuito energizado
  • Choque produzido por contato com corpo energizado
  • Choque produzido por descarga atmosférica ou raio, como é popularmente chamado

Consequências do choque elétrico no corpo humano

Tetanização – Trata-se de uma paralisia muscular que é causada pela circulação da corrente através dos tecidos nervosos que controlam os músculos do nosso corpo. Neste caso mesmo que o indivíduo queira, ele não conseguirá manter o contato.

Parada Respiratória – Muito comum quando os músculos peitorais estão envolvidos na tetanização. Neste caso os pulmões ficam bloqueados parando a função vital de respiração, caracterizando uma situação de extrema emergência.

Queimaduras – Acontece com grande parte das pessoas que sofrem acidentes elétricos com altas tensões. Neste caso, uma corrente elétrica percorre através de uma resistência elétrica e é liberada uma energia muito quente. Este fenômeno também é chamado de Efeito Joule.

Curso da NR10: Por que fazer?

As instalações e os serviços em eletricidade precisam de diversos cuidados, portanto é muito importante buscar um aperfeiçoamento e se atualizar sobre as orientações e requisitos necessários para cada atividade. O curso de NR10 é indispensável para todos os profissionais da área de eletricidade.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)