Sempre há muita polêmica quando se fala sobre a divisão de circuitos em residências e é consenso que a maioria das residencias hoje não possui uma distribuição adequada dos circuitos elétricos. O maior motivo do tema ser polêmico são as pessoas que não tem sua casa uma correta divisão de circuitos de menosprezarem sua importância com frases do tipo: “Aqui sempre funcionou assim, não precisa ser mudado”.

Possuir uma correta divisão de circuito garante que sua instalação seja segura e não haja desperdício de energia elétrica, alem de facilitar futuras manutenção e diminuir as ocorrências das mesmas.

A norma NBR-5410 Instalações elétricas de baixa tensão, é clara com relação as regras que devem ser seguidas para uma correta distribuição de circuitos, vejamos o que diz a norma:

9.5.3 Divisão da instalação

9.5.3.1 Todo ponto de utilização previsto para alimentar, de modo exclusivo ou virtualmente dedicado, equipamento com corrente nominal superior a 10 A deve constituir um circuito independente.

Podemos ainda concluir considerando este item que os circuitos mistos ou não dedicados não devem ultrapassar potências de 1200W em tensão de 127V (1200W de forma a arrendondar o circuito) e 2200W em tensão de 220V.

Desta forma também fica claro que em um instalação residencial o chuveiro deve possuir um circuito exclusivo por ser um equipamento que trabalha com uma corrente elétrica muito superior a 10A.

9.5.3.2 Os pontos de tomada de cozinhas, copas, copas-cozinhas, áreas de serviço, lavanderias e locais análogos devem ser atendidos por circuitos exclusivamente destinados à alimentação de tomadas desses locais.

Normalmente é nestes tipos de cômodos citados acima que se encontram os equipamentos de uma residência que demanda maior corrente elétrica na residencia, como maquinas de lavar, fornos e fornos microondas, ferro de passar e etc.

Trecho de diagrama unifilar.

Diagrama unifilar.

9.5.3.3 Em locais de habitação, admite-se, como exceção à regra geral de 4.2.5.5, que pontos de tomada, exceto aqueles indicados em 9.5.3.2, e pontos de iluminação possam ser alimentados por circuito comum, desde que as seguintes condições sejam simultaneamente atendidas:

a) a corrente de projeto (IB) do circuito comum (iluminação mais tomadas) não deve ser superior a 16 A;

b) os pontos de iluminação não sejam alimentados, em sua totalidade, por um só circuito, caso esse circuito seja comum (iluminação mais tomadas); e

c) os pontos de tomadas, já excluídos os indicados em 9.5.3.2, não sejam alimentados, em sua totalidade, por um só circuito, caso esse circuito seja comum (iluminação mais tomadas).

Obs.: Segue item 4.2.5.5

4.2.5.5 Os circuitos terminais devem ser individualizados pela função dos equipamentos de utilização que alimentam. Em particular, devem ser previstos circuitos terminais distintos para pontos de iluminação e para pontos de tomada.

Esta ultima parte compreende um ponto muito polêmico entre os eletricistas e profissionais da área da eletricidade que desconhecem os tópicos da norma. E comum ouvir destes profissionais que todo circuito de tomada deve ser separado do circuito de iluminação, mas o tópico acima cria exceções a esta regra.

Considerando uma casa com poucos cômodos um circuito somente de iluminação possuiria poucos amperes de corrente, existem casos com correntes de 5A ou menos (com as atuais tecnologias de led que exigem muito pouca corrente da rede). Comercialmente é até complicado encontrarmos disjuntores para proteger circuitos assim, ficando normalmente o disjuntor superdimensionado.

Estas regras não devem ser encaradas pelos profissionais menos instruídos nas normas como dicas e sim com regras que devem ser seguidas de modo a se cumprir a o que determina a norma.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

32 comentários para “Divisão de circuitos elétricos na instalação”

  1. Cristovão

    Ótima matéria, parabéns pelo belo trabalho.

    Responder
    • Henrique Mattede

      Obrigado. Agradeço o apoio.

      Responder
  2. Manuel Pablo Nelaston

    É muito bom esse conteúdo, mais poderia ser mais rico em matéria.

    Responder
    • Henrique Mattede

      Olá bom dia!

      Alguns temas são muito extensos para se tratar em um único artigo, alguns devem ser temas introdutórios para artigos seguintes, de qualquer forma agradeço e pergunto em que podemos melhorar, quais temas acha que poderíamos abordar para melhorar este artigo?

      Responder
  3. Sebastião de Moura Silva

    Gostaria muito de saber, se em um disjuntor DIM a entrada (da energia) pode ser tanto na parte de cima, como na parte de baixo.
    Obrigadíssimo.

    Responder
    • Henrique Mattede

      Sim, inverter a entrada não compromete o funcionamento.

      Responder
  4. Reni Martins de Souza

    Eu gosto muito das explicações do prof Henrique Manttede, do Mundo da Elétrica, tenho tirado minhas dúvidas no dia a dia, foi bom a descoberta de voçês.

    Responder
    • Henrique Mattede

      Eu agradeço este apoio e a mensagem.

      Responder
  5. Kielson

    Bem simples e objetivo, parabéns! Só uma dúvida: se só tenho os valores de potência em VA, sem o valor dos fatores de potência, como dividir o circuito?

    Responder
    • Henrique Mattede

      Neste caso considerar uma situação onde o valor do fator de potência seja 0, 7 para manter uma média.

      Responder
  6. Wendell Freitas

    Muito bom, eu como estudante de eletrotécnica pude tirar muitas dúvidas com O mundo da elétrica. Obrigado e parabéns.

    Responder
    • Henrique Mattede

      Sempre que possível estamos aqui para ajudar.

      Responder
  7. Witalu

    Muito boa matéria
    Agora quanto a pergunta do kielson você disse que nesse caso devemos considerar um fator de potência igual 0, 7, quer dizer que quando só esta a potência em VA eu devo dividir a potencia por 0, 7 é isso?

    Responder
  8. Cloves Souza Oliveira

    Muito bom

    Responder
    • Henrique Mattede

      Muito obrigado por este apoio e pela mensagem.

      Responder
  9. Cloves Souza Oliveira

    Gostei e muito e enportante as pessoas ter mais conhecimento obrigado

    Responder
    • Henrique Mattede

      Aprender cada dia para ser cada dia melhor.

      Responder
  10. Francisco

    Parabéns, muito boa explicação.

    Responder
    • Henrique Mattede

      Obrigado, agradeço o apoio.

      Responder
  11. Jorge Mangue

    Boa noite eu gostaria de saber se num contactor de dois polo numa instalacão monofasica e primitido a passagem do neutro?

    Responder
    • Henrique Mattede

      Qual seria a ligação? Qual a carga e como esta funcionando este contator?

      Responder
  12. Daúdo

    Vejo que aqui aprende-se muita coisa relacionado à eléctrica. Gostei das explanações e são construtivas, continuem assim…
    Escrevo de Moçambique, quero sempre que possível esclarecer as minhas dúvidas a partir deste site.

    Responder
    • Henrique Mattede

      Seja bem vindo, e fico muito feliz que esteja gostando de nosso conteúdo.

      Responder
  13. Lavoisier

    Parabéns, uma matéria muito proveitosa.

    Responder
    • Equipe Mundo da Elétrica

      Que bom que gostou! Obrigado por nos prestigiar!

      Responder
  14. Derivaldo Lopes dos Santos

    Gosto de receber novos esquemas elétricos

    Responder
    • Equipe Mundo da Elétrica

      Se inscreva em nosso canal.
      Conhecimento nunca é de maishttps://www.youtube.com/watch?v=QnoIfj6obII

      Responder
  15. Márcio Francisco

    Muito bom Henrique… Parabéns e obrigado novamente…

    Responder
    • Equipe Mundo da Elétrica

      Muito obrigado Márcio!

      Responder
  16. José Arnaldo

    Gostei muito do esclarecimento do diagrama do intermediário, obrigado.

    Responder
    • Equipe Mundo da Elétrica

      POr nada José! Sempre a disposição!

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)