Para um eletricista fazer um trabalho de qualidade e bem realizado, um dos conhecimentos cruciais que será necessário para ele é saber fazer uma emenda de fio do modo correto e seguro! Atualmente muitos eletricistas afirmam que sabem emendar corretamente os cabos, mas na hora de provar fazem o contrário. Para que isto não aconteça com você, o Mundo da Elétrica vai te ensinar como fazer emenda de fios e cabos elétricos corretamente! Neste artigo iremos falar dos tipos de cabos condutores e mostrar como fazer emenda de fio elétrico. Vamos lá pessoal!

Quando a sua instalação começa a apresentar alguns problemas como por exemplo, lâmpadas piscando, mal contato ao ligar algum aparelho ou cheiro de queimado próximo às tomadas, uma possível causa é uma emenda mal feita.

As emendas mal feitas correspondem à aproximadamente 50% dos problemas em uma instalação elétrica e oferecem muitos riscos como por exemplo, o choque elétrico e podem causar até mesmo um incêndio devido ao aquecimento excessivo da emenda. Para que isso não aconteça, é necessário realizar a emenda da melhor maneira possível!

Tipos de Cabos Condutores

Veja os cabos rígidos e flexíveis!

Quais são os tipos de cabo para emenda?

Para a realização de uma emenda bem feita, é necessário saber dos tipos de cabos usados nas instalações, e esses tipos são basicamente dois:

  • Cabos rígidos: São cabos que possuem apenas um fio condutor que geralmente é de cobre, mas também pode ser de alumínio. Por ser apenas um fio no cabo, este único fio condutor é do tamanho da seção do cabo.
  • Cabos flexíveis: São cabos que possuem vários fios condutores que geralmente são de cobre, mas também podem ser de alumínio. Por serem vários fios no cabo eles são finos, porém o conjunto de todos os fios é igual a seção do cabo.

É importante saber que uma emenda nunca irá substituir um cabo fundido, pois no cabo fundido não há espaço entre os condutores pois esses espaços foram preenchidos pelo estanho que foi colocado na fundição.

Tipos de emenda

Existem três tipos de emendas tecnicamente corretas que são feitas em cabos rígidos e flexíveis, são elas:

  • Emenda de Prolongamento
  • Emenda Rabo de Rato
  • Emenda de Derivação

Emenda de Prolongamento

Também conhecida como emenda de ligamento, esta emenda é utilizada para ligar dois cabos em um só, ou para aumentar o comprimento de um cabo.

Em cabo flexível

Use um alicate desencapador ou um canivete para desencapar os cabos a serem ligados, deixe os dois cabos com uma medida igual da parte viva.

Pegue um fio somente do conjunto e o enrole nos outros, com um espaço de um dedo a partir da proteção do cabo. Divida os cabos em três partes de filamento cada um a partir da parte em que o fio foi enrolado, em seguida entrelace os dois cabos, girando a parte viva dos cabos em direções opostas.

Com um alicate universal aperte os cabos para diminuir os espaços entre os condutores e dar acabamento, após isso isole a emenda apertando bem a fita e de forma que fique da mesma grossura do cabo.

Emenda de ligação flexível.

Emenda de prolongamento com fio flexível!

Em cabo rígido

Use um alicate desencapador ou um canivete para desencapar os cabos a serem ligados, deixe os dois cabos com uma medida igual da parte viva.

Cruze os fios para que eles formem um ângulo de 90°, passe um dos fios por baixo do cruzamento em uma direção e com o auxílio de um alicate universal, enrole este fio na extensão do outro e aperte bem para a ponta não perfurar o isolamento. Faça o mesmo procedimento com o outro fio, porém na direção oposta.

Após isso dê acabamento com o alicate universal, faça o isolamento e o deixe na mesma grossura do cabo.

Emenda de ligação flexível.

Emenda de prolongamento com fio rígido!

Emenda rabo de rato

Esta emenda é semelhante à de prolongamento e é utilizada geralmente em caixas de passagem que possuem um espaço reduzido para se trabalhar.

Em cabo flexível

Use um alicate desencapador ou um canivete para desencapar os cabos a serem ligados, deixe os dois cabos com uma medida igual da parte viva.

Cruze os fios para que eles formem um ângulo de 90° e trance-os, com o auxílio de um alicate universal aperte o trançado e dê acabamento, e após isso dobre o trançado pela metade com o alicate para que a ponta não perfure o isolamento. Realize o isolamento puxando bem a fita isolante para que não tenha bolhas de ar, mas não muito para que a fita não parta.

Rabo de rato flexível

Emenda rabo de rato com fio flexível!

Em cabo rígido

O método de realização dessa emenda em cabo rígido é igual ao método em cabo flexível.

Emenda rabo de rato flexível

Emenda rabo de rato com fio rígido!

Emenda de derivação

Esta emenda é utilizada para realizar a derivação de um único condutor sem a necessidade de cortar o fio.

Em cabo flexível

Use um alicate desencapador ou um canivete para desencapar a parte que irá ser derivada, desencape também o segundo condutor que irá ser colocado na derivação.

Separe o condutor principal em duas partes, fazendo um “buraco” no cabo, insira o segundo condutor no meio desse “buraco” e divida-o em duas partes também. Gire uma parte do condutor que foi introduzido em um sentido e a outra parte em outro sentido.

Com o alicate universal, aperte os enrolamentos para fortalecer a emenda e dê acabamento. Após isso realize o isolamento com cuidado para não deixar bolhas de ar.

Emenda derivação flexível

Emenda de derivação com fio flexível!

Em cabo rígido

Use um alicate desencapador ou um canivete para desencapar a parte que irá ser derivada, desencape também o segundo condutor que irá ser colocado na derivação.

Encoste o segundo fio no fio principal formando um ângulo de 90° e então comece a torcer o segundo fio no fio principal, aperte a emenda com um alicate universal para fortalecê-la e em seguida realize o isolamento da emenda, atentando-se para não deixar bolhas de ar.

Emenda derivação rígida

Emenda de derivação com fio rígido!

Conectores

Os conectores são um meio alternativo que servem para substituir algumas emendas. Os conectores são muito utilizados para substituírem as emendas de prolongamento e de derivação em locais que necessitam de troca dos cabos constantemente ou manutenção regular. Na lista abaixo você confere os principais tipos de conectores.

  • Conector Wago
  • Conector de Porcelana
  • Conector de Derivação Perfurante
  • Conector de Torção
  • Conector Múltiplo Sindal
  • Conector Split Bolt
  • Conector de Conexão Automática e outros

Cada conector pode ser usado para um objetivo diferente, por isso é sempre importante ver a utilização do conector antes de usá-lo.

Agora você sabe fazer uma emenda corretamente, porém quando for realizar alguma manutenção você irá se deparar com algumas emendas surpreendentes e terá que refazê-las. A emenda do vídeo abaixo do canal Mundo da Elétrica é um ótimo exemplo do que alguns eletricistas fazem na hora do desespero! Assista e tire as suas conclusões.

Viu como saber fazer uma emenda é super importante para uma instalação bem feita? Esperamos ter esclarecido como fazer essas emendas, mas caso ainda haja alguma dúvida deixe aqui nos comentários que responderemos você assim que for possível. Para aprender tudo sobre elétrica continue acessando e acompanhando o Mundo da Elétrica!

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)