Frequentemente recebemos perguntas sobre como puxar uma tomada de outra tomada. Neste artigo vamos explicar como fazer a derivação dos pontos de tomada de um circuito, como fazer a passagem dos cabos e a ligação dos módulos, vamos lá pessoal!

As tomadas de uso geral geralmente são instaladas em grupos de 2, 3, 4 ou até mais tomadas, então é preciso saber como dividir os circuitos, como dimensionar e ligar as tomadas de acordo com a potência requerida e aqui no site tem um artigo inteiro falando de dimensionamento de cabos elétricos, é muito importante saber disso antes de fazer qualquer ligação de tomadas.

Como ligar tomada de uso geral?

O primeiro passo é passar os cabos juntos até atingir o último ponto de tomada. Vão ser passados 3 cabos que são fase, neutro e terra, sempre deixando uma sobra de cabos suficiente para fazer as emendas de derivação em cada caixa de passagem. Antes de iniciar as derivações, é indicado dar um nó simples nos cabos na última caixa, justamente para evitar que os cabos voltem na tubulação. Tudo isso pode ser visto na imagem abaixo.

Como derivar cabos de tomada?

Veja o método correto de passar os cabos nas caixas de passagem!

O próximo passo é fazer as derivações necessárias sempre realizando a isolação adequada. Existem várias formas de fazer a derivação destes cabos, mas os possíveis problemas futuros fazem com que apenas uma seja a mais recomendada, e é isso que vamos explicar agora.

Várias pessoas fazem a derivação cortando os cabos e emendando tudo junto e apesar de funcionar, este tipo de derivação não é o mais adequado por vários aspectos. O primeiro ponto negativo é que se der algum problema nesta emenda e ela se soltar, você vai perder a energização de todos os pontos dali para frente. O outro ponto negativo é que este tipo de derivação favorece o aquecimento e na elétrica, este tipo de aquecimento é algo indesejado e pode ser evitado!

Sendo assim, a forma correta de derivar os cabos é desencapar uma parte do cabo que está passando pela caixa e usar um outro cabo para emendar neste cabo do circuito, assim como mostra a imagem abaixo. Lembrando sempre que este cabo deve ser da mesma bitola e da mesma cor do cabo do circuito que está sendo derivado. Para decapar os cabos deve-se usar ferramentas isoladas próprias para serviços de elétrica, preferencialmente um alicate para decapar cabos.

Como derivar cabos de tomadas?

Veja a forma correta de fazer uma emenda de derivação

Faça esta derivação indicada em todos os cabos de todas as caixas de passagem e em seguida faça a isolação bem firme com a fita isolante. Lembre-se que a isolação adequada é parte fundamental da eficiência da instalação! Então se a derivação não for bem realizada, certamente terá aquecimento, desperdício e riscos de acidentes.

Depois que todas as derivações estiverem finalizadas e devidamente isoladas, o próximo passo é cortar o excesso de cabos. Para isso avalie o tamanho dos cabos e deixe sempre uma pequena sobra, para uma possível manutenção futura, assim como mostra a imagem abaixo.

Como derivar cabos de tomada?

Exemplo de cabos para tomadas derivados e isolados.

O próximo passo é conectar os cabos nos módulos de tomada e em seguida fixar os módulos na caixa de passagem, assim como mostra a imagem abaixo. Vale lembrar que nas tomadas de 3 pinos, o único cabo que tem borne definido é o cabo de terra.

Como instalar tomadas de uso geral?

Imagem final do processo de instalação das tomadas de uso geral.

Para realizar instalações aparentes ou de sobrepor é necessário entender e conhecer pelo menos o básico sobre as caixas de passagem e detalhes sobre eletrodutos. Neste vídeo abaixo do canal Mundo da Elétrica é mostrado na prática todo o processo de passagem e derivação dos cabos que citamos neste artigo, vale a pena conferir!

Agora que você já sabe como puxar uma tomada de outra tomada é preciso ficar atento à vários fatores que interferem no dimensionamento dos cabos e também na quantidade de tomadas por circuito, sendo assim, é necessário planejar e definir a utilização de cada tomada.

Se você observou bem, neste exemplo que mostramos são tomadas de uso geral, ou seja, para equipamentos de baixa potência como por exemplo, televisão ou computadores. Já para as tomadas de uso especial, não é recomendado o uso de 2 ou mais tomadas no mesmo circuito, ou seja, para equipamentos de alta potência como por exemplo, ar condicionado, máquina de lavar ou secador de cabelo, você não deve puxar uma tomada de outra, porque o risco de sobrecarga e aquecimento é muito alto, principalmente se não houver um dimensionamento adequado dos cabos e disjuntores.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)