Você sabe a diferença entre fios e cabos? Existem no mercado atual uma grande variedade de fios e cabos elétricos, sendo que as suas aplicações são as mais diversificadas, mas você conhece estas aplicações? Sabe qual é o melhor tipo de cabo a ser aplicado nas diversas funcionalidades das instalações elétricas? Sabe a importância de aplicar o tipo de cabo ou fio correto dentro das  instalações elétricas? Se sua resposta é não ou tem alguma dúvida sobre o assunto, venha conosco aprender um pouco mais, pois neste artigo vamos abordar tudo  sobre os cabos e fios elétricos sem mistérios.

Diferença entre cabo e fio elétrico

Os cabos e fios elétricos são extremamente importantes dentro das instalações elétricas, eles são responsáveis pela condução da corrente elétrica de forma segura até o ponto de demanda dentro das instalações. Sem estes dispositivos não existiria geração, transmissão e distribuição de energia elétrica.

Os cabos e fios elétricos têm a mesma finalidade, pois são utilizados para condução de corrente elétrica, porém são fabricados de forma diferente. Internamente os fios condutores são fabricados com apenas um fio, desta forma os fios têm a característica de serem rígidos devido a sua forma construtiva, sendo conhecidos como cabos sólidos. Os cabos elétricos condutores, por sua vez, são fabricados internamente por vários fios condutores entrelaçados, o que os tornam mais flexíveis.

Fios elétricos condutores

Como os fios condutores são formados internamente por apenas um fio, quanto maior for sua seção transversal, menos flexível será o fio elétrico. Atualmente as aplicações dos fios elétricos são bem especificas, pois eles não podem ser submetidos a curvas acentuadas, pois podem se romper devido à baixa maleabilidade do condutor.

Outro problema deste cabo é quanto se torna necessário realizar a emenda de fios rígidos com fios flexíveis, para isso é necessário utilizar luvas de emenda, ou dispositivos próprios para evitar o mal contado e aquecimento da emenda.

Estes fios são bem aplicados em redes aéreas, onde é necessário que o condutor tenha uma alta resistência, para evitar que o mesmo venha se romper entre um poste e outro, onde existe o esforço do próprio peso do fio elétrico. Os fios são conhecidos no mercado como fios sólidos, compostos por apenas um condutor, estes dispositivos ainda são muito utilizados em aplicações telefônicas e em áreas abrasivas onde o condutor elétrico precisa ser enterrado ou submetido à alta pressão.

Cabos elétricos

Os cabos elétricos são formados por vários pequenos condutores entrelaçados, o que os tornam extremamente flexíveis. Estes condutores suportam ser submetidos a ângulos fechados dentro das instalações elétricas, devido a sua alta maleabilidade, também são aplicados entre duas partes moveis de instalações elétricas industriais e de maquinas, pois não se fadigam e rompem com facilidade.

Os cabos elétricos por serem flexíveis possibilitam emendas com maior contato elétrico, evitando mal contato e aquecimento dos cabos nas instalações elétricas, a maleabilidade dos cabos elétricos possibilitam que o mesmo seja submetido a curvas acentuadas e dobras, sem que sejam danificados.

Os cabos elétricos são classificados de acordo com sua área transversal, ou seja, sua seção transversal, quanto maior a quantidade de corrente elétrica transmitida por um cabo maior será a seção transversal do condutor. Observe a classificação das principais classes de cabos condutores utilizados:

  • Classe 03 = Composto por 7 condutores = classificação rígido;
  • Classe 04 = Composto por 45 condutores = classificação Flexível;
  • Classe 05 = Composto por 75 condutores = classificação Extra Flexível

Na linguagem técnica, um cabo encordoado é um cabo constituído de fios torcidos podendo ser isolados entre eles ou não, além do isolamento que reveste todo o conjunto de fios. Na norma ABNT NBR NM 280 é definido as classes de encordoamento com graus de flexibilidade.

Tipos de Fios e cabos aplicação e características

Fio sólido

Exemplo de um fio sólido de cobre de 2,5 mm

Fio sólido fabricado em um único condutor de cobre

Este tipo de fio geralmente é fabricado em cobre e o material utilizado para a isolação do fio é o PVC, Policloreto de polivinila (ou policloreto de vinil) que é um tipo de plástico. Podemos encontrar no mercado este cabo suportando a tensão elétrica de até 750V.

Este tipo de fio é aplicado em quadros elétricos, tomadas, chuveiros e em instalações residenciais. As aplicações industriais deste fio são mais restritas e não muito usuais, se limitando a aplicações em que não é necessária a flexibilidade do fio.

A principal característica deste cabo é pouca flexibilidade não deve ser dobrado muitas vezes durante a instalação, pois existe grande chance que o material venha ser fadigado e o fio venha romper, gerando a interrupção da corrente elétrica.

Podemos encontrar estes fios geralmente na seção nominal, ou popularmente chamado como bitola (espessura do fio), variando de 1,5mm² a 10mm².

Cabo flexível e cabo rígido

Exemplo de um cabo flexível de cobre de 2,5 mm

Cabo flexível fabricado com sete condutores de cobre na cor azul

Este tipo de cabo geralmente é fabricado em cobre e para o isolamento se aplica o PVC, Policloreto de polivinila. Podemos encontrar no mercado dois níveis de isolamento para este tipo de cabo elétrico, o mais comum tem isolamento 750V, o outro tipo possui uma camada mais espessa de isolamento, desta forma pode isolar até 1KV. As aplicações desses cabos são diversas, que pode ir de instalações residenciais até mesmo para aplicações industriais.

Os cabos flexíveis, por serem de fácil instalação e muito maleáveis, são mais fáceis de serem manuseados, uma vez que eles deslizam nos eletrodutos e realizam as curvas necessárias da tubulação, sendo uma facilidade no momento da instalação, dependendo do caso e necessidade. A fabricação com vários fios finos permite que os mesmos sejam dobrados, que os tornam perfeitos para aplicações industriais e em maquinas.

Por serem flexíveis podemos encontra-los em diversas seções transversais, ou vários tamanhos de bitolas, os mais utilizados variam entre 1mm² e 25mm², mas que podem chegar até 300 mm².

Cabos PP

Exemplo do cabo flexível PP de dois e quatro condutores

Cabos PP de dois e quatro condutores fabricados em cobre de 2,5mm

Esse tipo de cabo possui grande flexibilidade, são fabricados da mesma forma que os cabos flexíveis, a grande diferença é que geralmente são formados por dois ou mais cabos e além da proteção PVC convencional ainda possuem uma proteção mecânica, e mais uma camada de isolamento, encerrando os cabos em um só cabo, porém os cabos permanecem isolados entre si nesta camada externa.

Devido a grande segurança em relação à fuga de corrente para terra e sua grande flexibilidade, este tipo de cabo é muito utilizado para ligações de eletrodomésticos. Também são utilizados no mercado automotivo e largamente utilizados para aplicações industriais, como por exemplo siderúrgicas e minerações.

Podemos encontrar no mercado cabos PP´s de dois, três ou quatro condutores, eles podem ser encontrados com a sessão nominal de 1 a 500 mm². Seu revestimento pode ter a cor preta ou branca, mas as os revestimentos dos cabos internos levam as cores de acordo com a norma NBR5410

Cabos paralelos

Exemplo de cabo paralelo flexível utilizado para fabricação de extensão

Cabo paralelo flexível de 2,5mm fabricado em cobre

Esses tipos de fios e cabos são recomendados para a instalação de aparelhos pequenos, aparelhos portáteis e objetos de iluminação, como por exemplo abajures e lustres. Os cabos paralelos também são constituídos por fios de cobre e são considerados flexíveis. Sua espessura varia entre 2×0,5mm² a 2x4mm².

É importante entender as diferenças dos tipos de fios e cabos elétricos para escolher o ideal  de acordo com a necessidade, seja para aplicação residencial, predial ou industrial. Cada projeto tem suas especificações, e a necessidade durante o projeto pode variar.  Também devemos levar em conta tensão e nível de isolamento dos cabos não é mesmo? Por isso, é sempre recomendado que um profissional capacitado o acompanhe, ou ajude nessas decisões de escolher o melhor cabo elétrico de acordo com a sua necessidade. Abaixo disponibilizamos um vídeo que ira te ajudar muito na hora de escolher o melhor cabo elétrico:

Finalizamos aqui este artigo e esperamos ter ajudado a tirar as dúvidas sobre os fios e cabos elétricos! Se ainda tiver restado alguma dúvida ou curiosidade sobre este assunto, deixe nos comentários que iremos responder.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)