Existem centenas de ferramentas que são usadas por eletricistas diariamente, sejam ferramentas manuais, ferramentas gerais, ferramentas elétricas, ferramentas para medição até mesmo ferramentas administrativas. Dentre tantas ferramentas um chama muito atenção que é a trena.

Trenas possuem algumas características a serem conhecidas e que são importantes na hora da escolha para compra, algumas perguntas devem ser feitas neste momento que irão lhe ajudar a definir por qual optar: Para que quero uma trena e o que vou medir? Qual tipo de trena preciso? Preciso de alguma escala de medição especial?

Para que quero uma trena e o que vou medir?

Todos querem uma trena para medir alguma coisa, está é a função de uma trena.

Segundo o dicionário medir é:

Determinar ou avaliar por meio de instrumento ou utensílio de medida, ou algo. como padrão; mensurar. Ter (em extensão, comprimento, altura etc.)

A trena é o instrumento através do qual se faz uma comparação com padrões estabelecidos e se define a extensão, comprimento, largura, altura ou profundidade de algo.

A pergunta “o que vou medir?” é importante para que se defina qual tipo de trena será utilizada:

  • Quero medir um grande terreno;
  • Quero medir uma parede em uma instalação;
  • Quero medir peças para um suporte metálico;

Cada um dos três exemplo a cima me leva a pensar em tipos diferente de trena e isso nos leva a próxima pergunta.

Qual tipo de trena preciso?

Vamos enumerar alguns tipos de trenas e qual sua utilização, isso vai dar uma visão geral para a escolha adequada de cada trena de acordo com a atividade a ser executada.

  • Trena longa: Utilizada na medição de grandes distâncias como terrenos, áreas externas de construções, medição em grandes locais abertos.
Trena longa.

Trena longa Starrett.

Geralmente as menores trenas longas tem 15m, mas também são encontradas com tamanhos de 20m, 30m, 50m ou 100m. São feitas de um material bem maleável, fitas de fibras, por exemplo. Como são usados em ambientes externos expostos as intempéries, como sol e chuva a qualidade do material tem de ser bem avaliado para garantir uma boa durabilidade.

  • Trena manual: Utilizada para peças menores e pequenas distâncias, como a medição de paredes, quantidade de cabos, tamanho de eletrodutos etc.
Trena manual.

Trena manual Starrett.

Esta é a trena mais comum, a que a maioria das pessoas conhecem, ela é compacta, leve e fácil de ser guardada. Geralmente as menores trenas manuais tem 3m, mas são facilmente encontradas nos tamanho de 5m e 8m. Têm preços menores devido sua simplicidade, mas possuem muita variáveis que podem fazer o preço variar.

Conforto e durabilidade da fita são imprescindíveis neste tipo de trenas, sua fita de medição é metálica e pode ser quebrada caso não seja tomado os devido cuidados. Possuem freio da fita e trava que são diferenciais entre marcas. Uma ponta magnética ajuda quando está se medindo peças metálicas.

  • Trena laser, digital ou eletrônica: Usada para grandes distâncias e por possuir funções matemáticas é usada para medição de área e volumes em locais e estruturas.
Trena laser, digital ou eletrônica.

Trena laser, digital ou eletrônica Starrett.

Super simples de ser usada, a trena eletrônica, trena laser ou trena digital possui poucos botões e faz uma medição precisa, aliado a capacidade de cálculos matemáticos que facilitam na medição de áreas para superfícies e volume para cômodos ou estruturas. A grande vantagem é que não precisa de esticar fita em nenhuma direção, a medição é feita através de um laser que deve se apontar para uma barreira.

Preciso de alguma escala de medição especial?

A escala de medição é um ponto importante, no SI (sistema internacional de unidades ) a unidade padrão de comprimento é o metro, e praticamente todas as trenas produzidas tem este escala como a escala principal, mas ainda é possível encontrar outras escalas de medição como a polegada e o pé.

Escalas para trenas.

Escalas de uma trena.

Várias empresas fabricam as trenas, mas, algumas se destacam como é o caso de empresa Starrett, que é referência em equipamentos de medições como as trenas e paquímetros.

Como usar?

O uso da trena é bem instintivo, marca-se o local do início da medição e abre-se a trena até o ponto final da medição. O corpo da trena é dotado de uma escala como na figura acima e esta escala indica o tamanho do que se mediu.

No caso das escalas métricas os números marcam os submúltiplos em centímetro e há ainda as subdivisões em milímetros, a cada metro um número maior faz a marcação na unidade fundamental.

A escala de polegada talvez seja a mais difícil de ser lida devido a quantidade de submúltiplos da polegada. Os número indicam os valores em polegadas mas há ainda quatro submúltiplos da polegada que são fracionários como mostra a imagem abaixo, o que dificulta um pouco a leitura para quem não está acostumado.

Submúltiplos da polegada.

Submúltiplos fracionários da polegada.

A trena digital, é bem simples variando apenas os botões e funções de acordo com o modelo, em geral basta apontar o laser para o ponto final da medição e encostar a base da trena no ponto inicial e desta forma no display já é indicado a medida. Em caso de área após a primeira medida o display indica o valor e, solicita a ao usuário posicionar a trena para a segunda medida e já indica em seu display a medição em metros quadrados, valendo o mesmo para volume, porém acrescentando uma terceira medida que seria a altura.

Cuidados e manutenção.

A manutenção de uma trena na verdade é apenas limpeza e em alguns modelos lubrificação do carretel que comporta a fita.

Cuidar adequadamente de sua trena leva a uma pequenas lista de cuidados:

  • Não forçar a fita metálica dobrando;
  • Quando for retrair a trena fazer com calma e aos poucos evitando o forte impacto da fita no carretel.
  • Jamais segurar a trena pela ponta usando o corpo do carretel como peso.
  • No caso da trena laser não guardar a mesma por longos períodos com a pilha dentro.

Com estas dicas é possível que se tenha uma boa trena por bastante tempo. Sempre andar com uma trena no bolso é um cuidado que todo eletricista deve ter, pois, praticamente todo trabalho de orçamento do eletricista vai depender de uma trena para medição de cabos ou peças, levantamento de material e etc.

Eletricista prevenido geralmente tem mais de uma trena, uma na caixa de ferramenta e uma sempre a mão para casos de orçamentos inesperados.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)