Neste artigo vamos falar sobre sistema de alarme de incêndio e conhecer os tipos de alarme de incêndio, saber como funciona a Instalação de central de alarme de incêndio e como é feita a detecção de incêndio. Também vamos mostrar onde o alarme e detecção de incêndio são necessários, além de conhecer a diferença da instalação de alarme de incêndio endereçável, comparado com o convencional e outros dispositivos. Então vamos lá!

Alarme de incêndio

Um sistema de alarme de incêndio é um conjunto de dispositivos que são usados na previsão e combate a incêndios. Sendo acessórios manuais ou automáticos, usados para detecção de calor, fumaça ou de chamas. Geralmente o alarme de incêndio é acionado por botoeira, que são pequenas caixas vermelhas com um botão acionador. Este botões devem ser espalhados em pontos estratégicos e são ligados à uma central.

Quando são disparados, emitem sinais sonoros através de sirenes e caso essa central também esteja ligada à detectores de fumaça, entram em funcionamento os sprinklers, que são dispersadores de água, estes que são instalados em locais de grandes proporções ou ambientes fechados.

Sistema de alarme de incêndio

Instalação de central de alarme de incêndio

Alarme de incêndio convencional

Esse sistema é mais simples, possui pontos estratégicos e de fácil acesso, para acionamento manual em botoeiras de emergência, é composto por cabeamento ligado em uma central, onde se tem um botão de alarme. O painel central contem vários LEDs, de acordo com cada ponto coberto pelo sistema, cada LED corresponde a uma botoeira, podendo optar em nomear cada um com o nome do local ou fazer um mapeamento.

Instalação alarme de incêndio

A instalação central de alarme de incêndio deve seguir um projeto elaborado, de acordo com as normas vigentes, o que garante sucesso na vistoria do corpo de bombeiros. Além de seguir rigorosamente os requisitos do projeto, o seu funcionamento está diretamente ligado à segurança das instalações.

É de costume uma mesma empresa realizar o projeto e a execução garantindo a instalação dos equipamentos e sistemas de forma segura dentro dos padrões solicitados. Para que o sistema de alarme e detecção de incêndio cumpra o seu objetivo, é importante ministrar um treinamento operacional onde foi feita a instalação. Essa etapa é necessária para aprender a manusear os equipamentos e a agir de maneira correta, elaborando um plano de fuga em caso de incêndio.

Sistema de alarme de incêndio endereçável

São mais sofisticados e tem maior precisão de trabalho! Nesses sistemas o cabeamento é ligado à central e podem ter vários dispositivos acionadores. Além das botoeiras, são ligados ao sistema detectores de fumaça, detectores de calor e detectores de chamas.

Esse tipo de sistema é mais preciso, pois tem a sua interface ligada a um microprocessador que executa leituras do ambiente e faz verificações do estado dos equipamentos do sistema. Conhecidos como loops ópticos, esses leitores executam uma confirmação a partir do painel de controle para os alarmes e sistemas de sinalizações, isso também ocorre ao contrário, evitando falsos alarmes.

Além disso, esses sistemas trabalham com memória interna para armazenar sinais de dados de pulsos ocorridos. O zoneamento é um ponto muito importante para este tipo de instalação, e o sistema é separado por layout em zonas. Com isso, é possível dividir setores dentro dessas zonas de instalação, em subzonas, tornando mais segura uma possível evacuação em um edifício.

Alarme e detecção de incêndio

Alarme e detecção de incêndio são obrigatórios em algumas edificações, principalmente em ambientes fechados. Veja alguns exemplos onde são necessários!

  • Edificações com altura superior à 12m
  • Armazéns de explosivos, produtos inflamáveis ou de combustão
  • Locais comerciais com ocupação superior à 50 pessoas no subsolo e 100 pessoas nos demais andares
  • Ambientes fechados com ocupação superior à 1000 pessoas
  • Edificações hospitalares e educacionais
  • Locais de exposições, como museus, bibliotecas e galerias de arte
  • Rede de hotelaria, como hotéis e motéis
  • Garagens e estacionamentos cobertos

Agora que você aprendeu sobre central de alarme para incêndio, separamos esse vídeo do canal Mundo da Elétrica falando um pouco mais sobre o assunto, vale a pena conferir!

Aproveite os materiais que disponibilizamos em nosso canal e caso tenha alguma dúvida ou sugestão, é só deixar nos comentários que nós iremos responder. Acesse e se inscreva no canal do Mundo da Elétrica para continuar aprendendo sobre elétrica.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)