Serra copos, tipos e como usar.

Escrito na categoria "Faça você mesmo - Eletricidade" por Henrique Mattede.

Serras copo são ferramentas para realizar furação em peças variadas. Diferentemente das brocas, as serras copo fazem furações para grandes diâmetros e diferentes tipos de materiais, devido a esta característica são fundamentais em vários ramos de atividade como na marcenaria, serralheria, elétrica e construção civil.

Para cada tipo de material é necessário uma serra copo específica, de maneira que o material seja furado adequadamente garantindo a vida útil da serra copo a qualidade e integridade do furo, por isso é importante conhecer os tipos de serras copo.

A furadeira

Antes de conhecer os tipos de serra copos é fundamental conhecer a sua furadeira. Existem no mercado variados tipos de furadeiras que vão oferecer melhor ou pior desempenho de acordo com o material  a ser furado. Furadeiras profissionais tem melhor desempenho, em geral por ser possível regular por exemplo a velocidade do corte efetuado pela serra copo, modelos de hobbystas são para usos menos frequentes, não sendo recomendado para trabalhos constantes e prolongados em uso de serras copo.

Equipamentos de proteção individual E.P.I.

O profissional que for utilizar um serra copo deve estar utilizando todos os EPI’s necessários de acordo com a atividade, o uso de óculos de proteção e em alguns casos um capacete com protetor fácil é o principal. De acordo com a quantidade de ruido emitido pela furadeira e pelo material que esta sendo furado o uso do protetor auricular também vai ser necessário.

É recomendável também o uso de um paletó de raspa para evitar que fagulhas e projeções de material quente causem um acidente no uniforme de trabalho.

Tipos de serras copo

Como foi dito existem alguns tipos de serras copo:

Serra copo bi-metal.

Serra copo bi metálico.

Serra copo multi starrett.

Serra copo de vídea.

Serra copo diamantada Starrett.

Serra copo diamantada.

Serra copo tipo fresa Starrett.

Serra copo tipo fresa.

Acessórios

Além dos tipos de serra copos é possível encontrar alguns acessórios que podem ser usados em conjunto com as serras copo.

Suportes de fixação Starrett.

Suportes de fixação.

Brocas piloto Starrett.

Brocas piloto.

Extensor para suportes de fixação Starrett.

Extensor para suportes de fixação.

Coletor de resíduos Starrett.

Coletor de resíduos.

Dispositivo ejetor para resíduos starrett.

Dispositivo ejetor para resíduos.

Fluido de corte ou fluido refrigerante

Para um furo profundo ou com material muito duro, é interessante utilizar um fluido para corte ou fluido refrigerante, neste casos é considerado uma situação desfavorável muito comum em oficinas de usinagem. Este fluido vai facilitar o processo de corte além de garantir um resfriamento da ferramenta.

Suas principais funções são:

Algumas exceções a refrigeração se fazem como por exemplo nas perfurações em ferro fundido, nestes casos é importante analisar a recomendação do fabricante quanto a quais materiais não deve ser refrigerados durante o corte e perfuração.

Cuidados

Antes da utilização das serra copos é importante seguir alguns passos de segurança, garantir a segurança nas atividade é essencial.

Antes do furo

Caso algum destes aspectos citados não estejam de acordo é necessário a troca do serra copo e, não se deve por questões de segurança utilizar uma serra copo em um material não indicado para ele de acordo com o fabricante.

Após a utilização

Esta conservação é importante para que seja garantida um boa vida útil a ferramenta.

Como realizar o furo

Sempre averiguar o corte da broca guia para que não haja dificuldade para se iniciar o furo. Use também um punção para marcar o local adequado para o início do furo, o uso do punção vai garantir que a broca não escorregue no início do furo.

Punção pontiagudo.

Punções para marcação.

Existem dois tipos de encaixes para a serra copo no suporte, uma rosca e uma trava (a trava somente para as serra copos maiores). A rosca é fabricado de modo a seguir o sentido de rotação da furadeira, enquanto gira a trava aperta mais a rosca, isso garante segurança.

Obs.: Nunca realizar o aperto do madril com a furadeira já ligada a tomada.

Após estes passos é realizar a furação da mesma forma que se fura com uma broca.

Em todas as atividades deve-se atentar para segurança de quem usa as ferramentas e das pessoas próximas a realização do trabalho, um trabalho bem executado e com sucessão não da margem para o acidente do trabalho.

Sobre o autor

Autor Henrique Mattede

Eletricista desde 2006, Henrique Mattede também é autor, professor, técnico em eletrotécnica e engenheiro eletricista em formação. É educador renomado na área de eletricidade e um dos precursores do ensino de eletricidade na internet brasileira. Já produziu mais de 1000 videoaulas no canal Mundo da Elétrica no Youtube, cursos profissionalizantes e centenas de artigos técnicos. O conteúdo produzido por Henrique é referência em escolas, faculdades e universidades e já recebeu mais de 120 milhões de acessos na internet.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

5 comentários para: “Serra copos, tipos e como usar.”

  • Antonio Marcos

    Bacana a informação eo material e otimo

    Responder
    • Equipe Mundo da Elétrica

      OBrigado Antonio!

      Responder
  • Eduardo

    Amigo tenho uma duvida…a furadeira deve estar no modo furar ou Martelete quando usado a serra copo…obg.

    Responder
    • Bruno

      Eu particularmente não usaria não.

      Responder
  • Josmar

    Boa noite
    Gentileza teria alguma matéria sobre furadeira e serra copo trabalhando em alturas, furo muita chapa 1/2″, 5/8″ com serras copo de 14, 16, 19, e 24 mm”.
    Obrigado.

    Responder

Deixe um comentário