O que é fita isolante de autofusão? Características e aplicações!

Em Componentes elétricos por Henrique Mattede

Realizar boas emendas é essencial para garantir a segurança nas instalações elétricas em geral. Para isso, utiliza-se muito a fita isolante de autofusão, só que para fazer um bom uso dela, é muito importante conhecer quais são as suas características e onde aplicá-la!  Pensando nisso, o Mundo da Elétrica separou tudo o que você precisa saber sobre a fita de autofusão. Então, vamos lá pessoal!

A fita de autofusão, também conhecida como fita de alta tensão, é uma fita isolante emborrachada que possui a capacidade de isolamento em média e alta tensão.

Em geral, as fitas isolantes de autofusão de borracha e silicone têm a classificação dielétrica mais alta do que as fitas isolantes convencionais. Além disso, elas são produtos confiáveis na caixa de ferramentas da maioria dos eletricistas e instaladores de média e alta tensão!

Na imagem abaixo, é possível observar um modelo da fita isolante de autofusão.

Fita isolante emborrachada.

Fita isolante de autofusão.

Características

A fita de autofusão pode oferecer mais do que apenas isolamento em alta tensão e costuma ser usada em diversas aplicações de baixa tensão também. Algumas características são diferenciais entre a fita isolante de autofusão e a tradicional.

Revestimento apropriado

Em uma emenda de fita típica, ao puxar a fita e esticar até o ponto de ruptura, a largura da fita diminui para cerca de 1/3 do tamanho original.

Já a fita autofusão de borracha foi projetada para esticar até quase 800% a mais que as fitas isolantes convencionais, resultando em um bom isolamento e proteção contra umidade.

Uma dica é realizar uma pressão por igual sobre o alongamento para ajudar a eliminar vácuos e saliências durante a aplicação. Além disso, é importante usar uma boa fita de borracha para evitar que ela se quebre quando você fizer a instalação elétrica.

As emendas e as terminações devem sempre ser revestidas com fita isolante tradicional para proteção contra contaminantes químicos e danos físicos. Além do mais, utilizar revestimentos de PVC ajudam a evitar que o seu cabo colete detritos.

A resistência dielétrica da fita de borracha aumenta à medida que você adiciona camadas. Para aplicações de baixa tensão, é indicado aplicar pelo menos 2 camadas com meia sobreposição.

Desempenho em alta temperatura

A fita autofusão possui desempenho em alta temperatura e em geral, é projetada para vencer o calor.

A fita autofusão de borracha tem temperatura funcional até 90 °C em regime contínuo, podendo chegar a 130ºC em regime de emergência. Por causa desse atributo de calor alto, é comum usar fita autofusão de borracha em aplicações de baixa tensão para vedação e isolamento de umidade nas indústrias, como em:

Para aplicações que são encontradas temperaturas de classe “H” (180 °C), é importante utilizar cabos de borracha de silicone que aguentem tais temperaturas.

A fita isolante de borracha de silicone de autofusão é utilizada para vedação ambiental, isolamento, proteção contra arcos voltaicos, em locais que necessitam de resistência a UV e que são muito quentes.

Essa característica também pode ser extremamente importante em aplicações nas indústrias naval, militar e aeronáutica, nas quais a limitação de peso e a minimização de espaço são fundamentais.

Controle de umidade

A fita de autofusão ajuda a deixar o produto à prova d’água e ar. Ela repele umidade e é uma ótima solução para aplicações externas onde a água pode acabar se infiltrando.

Em unidades de produção e instalações de manufatura onde haja vapor, água pingando e umidade elevada, as fitas autofusão de borracha também oferecem boa parte da proteção contra umidade.

Em um ambiente severo, sujeito à exposição de produtos químicos e fluidos agressivos, é imprescindível utilizar uma fita isolante tradicional por cima da fita autofusão de borracha.

Revestimento extra

As fitas de autofusão são tipicamente 4 vezes mais grossas que as fitas elétricas de vinil, e fornecem proteção mecânica extra para conexões que estão sujeitas a vibrações constantes.

Essa característica pode ser bem aproveitada em máquinas elétricas e motores, uma vez que as linhas de produção submetem as conexões elétricas a vibrações extremas.

Elas também fornecem excelente acolchoamento e conformabilidade em torno de superfícies com bordas irregulares, ásperas ou afiadas, como barramentos e conexões de parafusos divididos.

Aplicações

A fita de autofusão pode ser utilizada em vários locais e possui diversas aplicações, dentre elas podemos citar:

Se você gostou desse artigo, sugerimos que assista o vídeo abaixo do canal Mundo da Elétrica!

Para aprender ainda mais e acessar conteúdos exclusivos, nos siga nas redes sociais e se inscreva no canal do YouTube! Se ficou com dúvidas ou tem sugestões, deixe abaixo nos comentários e te responderemos!

Sobre o autor

Autor Henrique Mattede

Eletricista desde 2006, Henrique Mattede também é autor, professor, técnico em eletrotécnica e engenheiro eletricista em formação. É educador renomado na área de eletricidade e um dos precursores do ensino de eletricidade na internet brasileira. Já produziu mais de 1000 videoaulas no canal Mundo da Elétrica no Youtube, cursos profissionalizantes e centenas de artigos técnicos. O conteúdo produzido por Henrique é referência em escolas, faculdades e universidades e já recebeu mais de 120 milhões de acessos na internet.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário