As instalações elétricas estão suscetíveis a diversos problemas que podem danificar os aparelhos elétricos e eletrônicos, como por exemplo as variações de tensão e frequência. Iremos abordar o por que pode ocorre oscilações na tensão da instalação, como podemos corrigir esta variação de tensão e qual o valor da variação de tensão é aceitável. Vamos lá pessoal!

Como sabemos, os equipamentos elétricos e eletrônicos necessitam basicamente de duas grandezas fornecidas pela concessionária para poderem funcionar, que é a tensão e a frequência, sendo que ambas as grandezas não podem haver variações, por mínimas que sejam.

É importante destacar que as concessionárias de energia elétrica possuem a obrigação de entregar tensão e frequência de boa qualidade, dentro das especificações exigidas pelas normas, sendo um dos motivo é que estas grandezas não podem varias, devem ser constantes. Caso contrário os elementos conectados a esta instalação irão apresentar falhas no funcionamento e consequentemente danificá-los.

Principais causas para quedas de tensão

A variação da tensão elétrica em uma instalação elétrica pode ocorrer por diversos fatores, como por exemplo:

Sabemos que ao longo de toda extensão de uma rede de distribuição não é possível manter a mesma tensão em todas as instalações, porque sobre todas as instalações terá uma queda de tensão, por menor que seja. Somando todas essas perdas ao longo da rede de distribuição, podemos obter uma perda significativa no final da rede em relação ao seu início.

Podemos destacar outro fator para a queda de tensão a distância, isso acontece devido a própria resistência dos cabos, que fazem com que a tensão caia a partir da fonte, como por exemplo o transformador nas linhas de distribuição.

Este mesmo fato pode ocorrer dentro da instalação, seja ela residencial, predial ou industrial, caso a distância entre as cargas e o QDC sejam relativamente grandes e o condutor não esteja devidamente dimensionado.

Outra causa para uma baixa tensão dentro da instalação está relacionada diretamente à concessionária, pois a tensão entregue a instalação pela concessionária de energia não se encontra dentro dos padrões. Para identificar essa falha basta medir a tensão direto na medidor da concessionária.

Tensão admissível nas instalações

Tensão máxima e mínima da rede.

Efeitos da queda de tensão.

A variação ou queda de tensão sem dúvidas pode prejudicar os aparelhos elétricos e eletrônicos da instalação, porém as variações menores na maiorias dos equipamentos e aparelhos não causam problemas, porque a maioria deles são projetados para suportar uma variação em sua tensão de alimentação de até no máximo 10%.

Porém, em casos que os dispositivos estão sendo ligados a uma tensão abaixo de seu limite as possibilidades de “queimar” são mais raras, mas não significa que não podem apresentar problemas, por conta de uma instalação mal feita, é muito comum as lâmpadas de LED apresentarem um mal funcionamento ao ligar o chuveiro, pois a lâmpada está operando a uma tensão abaixo de seu limite.

No entanto, os equipamentos que são submetidos a uma tensão acima do limite, para o qual foram projetados, sofrem uma sobrecarga e nesta situação existe uma grande chance do equipamento ser danificado, porque certamente seu circuito interno será danificado e sendo queimado.

Para que possam manter seu funcionamento com uma baixa tensão de alimentação, determinados eletrodomésticos acabam sendo forçados ao serem acionados, como por exemplo os eletrodomésticos com motores, pois a tensão de partida não é o suficiente

Sem poder partir em condições normais, o motor apresenta uma impedância muito baixa, o que acaba exigindo uma corrente muito maior que o necessário, dessa forma acaba havendo um aquecimento que é prejudicial equipamento.

Tensão máxima e mínima

Como mencionado anteriormente, as concessionárias de energia possuem a obrigação de entregar uma determinada tensão e frequência, sem haver grandes variações em seus valores, aqui no Brasil todas as concessionárias devem entregar uma frequência de 60Hz, podendo haver uma variação muito pequena, deve ficar extremamente próxima de 60Hz, essa variação na frequência ocorre devido algumas características da rede.

Por outro lado, a tensão pode variar de acordo com a sua região e concessionária, portanto estabelecer qual a tensão máxima e mínima vai depender da concessionária de energia, pois cada uma possui uma faixa de tolerância, sendo assim devemos consultar estes valores na própria conta. A imagem abaixo mostra a tensão máxima e mínima que a concessionária Cemig fornece e também da Eletropaulo.

Tensão admissível nas instalações.

Tensão máxima e mínima de acordo com a nossa

Como corrigir estes erros?

Existe no mercado alguns dispositivos que são capazes de proteger os equipamentos eletrônicos de eventuais danos, devido as variações e quedas de tensão, como por exemplo os estabilizadores e nobreaks, ambos protegem os equipamentos contra quedas e oscilações de tensão na rede, pois conseguem manter a tensão de alimentação na saída estabilizada, além de evitar a queima dos equipamentos.

Para corrigir problemas quando a tensão não está dentro das condições que a concessionária tem que garantir, o primeiro passo é averiguar a tensão direto no medidor da concessionária, local onde a energia está chegando. Se o problema for constatado direto no padrão a responsabilidade é totalmente da concessionária, que nesta situação deverá ser notificada, e a partir de então as devidas providências serão tomadas.

No entanto se as variações ou quedas de tensão estiverem ocorrendo dentro da instalação, deve ser feito testes e medições por todos os circuitos, para este tipo de serviço contrate um profissional capacitado para que possa identificar o problema e consequentemente solucioná-lo.

O vídeo abaixo fala sobre qual é a máxima variação de tensão na rede elétrica permitida pela ANEEL, além de apresentar algumas dicas importantes de como identificar este problemas e qual a melhor solução.

Finalizamos mais um artigo e esperamos ter ajudado a esclarecer as dúvidas relacionadas a variação de tensão permitida. Caso tenha ficado alguma dúvida ou curiosidade sobre o assunto, deixe nos comentários que iremos responder!

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)