Dimmer é dispositivo de controle de luminosidade em lâmpadas que varia gradativamente a quantidade de luz emitida em um ambiente. Ele tem papel determinante na economia de energia e na boa utilização da mesma, podendo determinar a quantidade de luz usada no decorrer do dia. Quando está escurecendo, por exemplo, você pode adequar esta iluminação para o necessário naquele momento, e ao anoitecer podemos usar o Dimmer para fornecer toda a iluminação possível. O dimmer também é usado em ambientes específicos onde se deseja pouca iluminação ou a caráter decorativo.

Como funciona um dimmer

Os dimmers mais antigos usam basicamente a lei de Ohm em seu funcionamento, por usarem um potenciômetro, também conhecido como resistor ajustável. Resistores são elementos constituídos por um material que não conduz, facilmente, corrente elétrica. Como o próprio nome sugere, este elemento tem uma resistência quanto ao movimento das cargas elétricas. Os potenciômetros são resistores variáveis porque conseguem determinar a quantidade de resistência a passagem das cargas elétricas, se muitas resistência ou pouca, eles possuem em sua constituição um braço de contato fixo e um móvel. É essa ajustagem que faz variar o valor total da resistência, determinando a distância em que a carga tem que percorrer através do material que possui resistência a passagem desta carga. Se o braço de contato móvel estiver todo a direita, a carga tem de passar por outro caminho, no caso maior, ou seja, percorrer maior quantidade de material resistivo. À medida que a carga passa por esse material resistivo a energia em forma de calor é dissipada. O consumo de energia que o resistor oferece faz com que a tensão caia, e uma baixa tensão passando pela lâmpada ocasiona em uma baixa luminosidade.

Um dos propósitos do Dimmer é economizar energia, porém para este modelo descrito acima, isso não acontece. Neste funcionamento é usado a mesma quantidade de energia que iluminaria totalmente um ambiente para uma iluminação baixa, pois parte da energia é consumida pelo material resistivo.

Os dimmers mais modernos não desviam a carga por um material resistivo para limita-la, eles ligam e desligam (chaveamento) do circuito a fim de reduzir a quantidade total de fluxo de energia. O Dimmer desliga o circuito cada vez que a corrente muda de direção, ou seja, cada vez que a voltagem desce à zero na escala de onda senoidal de acordo com a posição do contato ou botão. Com a tensão baixa passando pela lâmpada ocasiona um abaixa luminosidade.

Funcionamento do dimmer.

Funcionamento de dimmers modernos.

O dimmer muda a forma de onda neste processo para fazer a variação na iluminação, e isso pode trazer algumas dúvidas ao fazer a medição de tensão o circuito dependendo do instrumento usado para faze-la. Um multímetro de resposta média, por exemplo, analisa precisamente a forma de onda pura, porém quando há alguma variação neste modelo de onda, um corte, por exemplo, a analise não é tão precisa, como no caso do dimmer. Para este e outros casos, usa-se um multímetro do modelo TRUE RMS, ele é capaz de analisar estas variações na forma de onda.

Instalação do dimmer – Passo a passo.

O uso de dimmer mais comum é para iluminação, onde o dimmer é ligado a uma lâmpada e faz o controle da quantidade de iluminação. Siga estes passos para usar o dimmer com este propósito.

  1. Ligue um cabo da saída do disjuntor até um dos cabos do dimmer;
  2. Conecte o cabo de retorno do dimmer ao contato central do receptáculo (boquilha);
  3. Ligue o cabo neutro ao receptáculo;

Ao alimentar o disjuntor e acoplar a lâmpada ao receptáculo, teste o circuito lembrando que o dimmer deve variar a quantidade de luz fornecida pela lâmpada. Acompanhe essa simples ligação no vídeo abaixo para maiores esclarecimentos:

Casos onde não se deve utilizar dimmers

  • Lâmpadas fluorescentes;
  • Lâmpadas dicroicas com transformadores eletrônicos;
  • Para controlar velocidade de motores;
  • Para controlar volume de som de caixa acústica;
  • Cargas menores que 40 W;

Triac – Triodo de corrente alternada

Como dito anteriormente, os dimmers modernos ligam e desligam a carga ao invés de desvia-la pra percorrer sobre um material resistivo. O responsável por este funcionamento é o Triac (Triodo de corrente alternada). Triac é um semicondutor assim como um transistor, constituído por camadas semicondutoras do tipo N (muitos elétrons livres) e tipo P (buracos onde passam os elétrons livres). O Triac atua como um interruptor no dimmer, acionado pela tensão.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

34 comentários para “Como funciona um dimmer”

  1. Russo

    Achei muito interessante essa explicação da instalação do dimmer, gostaria de saber se da pra ligar o dimmer em uma ligação em paralelo. Obrigado.

    Responder
    • Henrique Mattede

      É possível ter um sistema three-way e no retorno que vai a lâmpada ou no neutro desta lâmpada um dimmer, pode ser ligado e desligado de dois pontos mas ter usa luminosidade controlada apenas de um ponto.

      Responder
  2. Antonio Marcos Santos

    Muito bom

    Responder
  3. Valter

    Pode ser usado em lampadas de led?

    Responder
    • Henrique Mattede

      Não, o processo de dimerização de lâmpadas LED é diferente e não pode ser feito com dimmer.

      Responder
  4. Luiz

    Posso usar dimme em uma lampada de led de 7 w?
    Essa lampada terá three-way

    Responder
    • Henrique Mattede

      Led’s não podem ser dimerizados de forma normal, um dimmer especial é usado para LED’s.

      Responder
  5. Nelson

    Para variar o volume de vapor de um nebulizador com pastilha piezo eletrico de 12 volts, qual aparelho devo usar? Um pwm, dimmer?

    Responder
    • Henrique Mattede

      Eu teria de analisar melhor o circuito do nebulizador.

      Responder
  6. Claiton

    Posso usar um dimmer para controlar a corrente que passa por uma resistência?

    Responder
    • Henrique Mattede

      Pode desde que a corrente da resistência não seja maior que a corrente máxima do dimmer, caso contrário vai queimar o dimmer.

      Responder
  7. Marcelo

    Tem como instalar dimmer em uma ligação de interruptor paralelo? Muito obrigado

    Responder
    • Henrique Mattede

      Sim, mas o dimmer só seria colocado em um lado da instalação ou seja próximo a um interruptor, pode-se ligar e desligar em ambos os interruptores mas apenas um ponto para controlar a luminosidade.

      Responder
  8. Josué Santos

    Gostaria de entender porque não recomenda no uso com motores?

    Responder
    • Henrique Mattede

      Apenas para motores de baixas potências, não há dimmers comerciais para grandes potências.

      Responder
  9. Jerson Carlos

    Eu já usei dimmer em lampadas e também usei em outro material eletrico. Acho que ele serve pra muitas ouras finalidades.

    Responder
    • Henrique Mattede

      Sem dúvidas ele tem várias finalidades.

      Responder
  10. Ricardo Wasniewski

    Boa noite.
    Comprei lâmpadas de LED dimerizáveis e por isso o vendedor me disse que posso comprar um dimmer convencional. É Fato?
    Esse dimmer convencional pode ser o modelo de toque ou apenas o giratório?
    Obrigado.

    Responder
    • Henrique Mattede

      Eu não tive ainda a oportunidade de trabalhar com lâmpadas Led dimerizaveis, veja na embalagem do mesmo qual a indicação.

      Responder
  11. Mario

    Toda a informação disponibilizada esta sendo de grande utilidade, tenho uma duvida, o dimmer pode ser usado no fase e no neutro ou somente no fase?
    Obrigado.

    Responder
    • Equipe Mundo da Elétrica

      O dimmer tem a função de um interruptor assim sendo alimentado conforme um interruptor, fase e retorno.

      Responder
  12. Avelino Cachova

    Olá professor. Chamo me Avelino e sou angolano. Quero apenas felicitar lhe pelo contributo que o seu canal tem dado a mim. Graças à TI, muitas questões que formavam dúvidas, agora encaro de forma simples…

    Que continues com o seu método de exposição dos vossos conteúdos, no sentido de cada vez mais atingires os seus mais aspirados objectivos…

    Abração do seu aluno,
    Avelino Cachova!

    Responder
    • Equipe Mundo da Elétrica

      Olá Avelino! Ficamos muito contentes em estar colaborando com seu aprendizado! Obrigado por nos assistir e prestigiar! Se tiver dúvidas, é só perguntar! =)

      Responder
  13. Thaís

    Gostaria de saber se consigo ligar uma lampada LED dimmerizável em um dimmer que é incandescente, é possível?

    Responder
    • Equipe Mundo da Elétrica

      Infelizmente não é possível fazer a ligação desejada com dimmer de lampadas incandescentes, este dimmer funciona nas seguintes lampadas Incandescente – Dicroica – Alógena e motor de ventilador.

      Responder
  14. João W.

    O que acontece se usarmos o dimmer com lâmpada não dimerizável (eletrônica ou led)?

    Responder
    • Equipe Mundo da Elétrica

      Se colocar lâmpadas de led não dimerizavel, ficará piscando por causa da resistência que existe no dimer.
      Não é aconselhável.

      Responder
  15. Vlademir

    Eu consigo colococar dimer em uma resistencia para diminuir atemperado? E se sim como devo instalar?

    Responder
    • Equipe Mundo da Elétrica

      É capaz sim, irei fazer um vídeo ensinando.

      Responder
  16. Jefter Victor Gonçalves

    Excelente, tenho acompanhado o canal no YouTube a muito tempo e agora o site, fico muito feliz de ter alguém disponibilizando um material de tanta qualidade e conhecimentos. Obrigado, aprendo muito com você.

    Att. Jefter Victor
    Graduando em Eng. Elétrica

    Responder
    • Equipe Mundo da Elétrica

      Muito obrigado Jeffer por nos prestigiar! Qualquer duvida, estamos a disposição!

      Responder
  17. Marçal Bracht

    Estou aprendendo muito com você HENRIQUE sei muita coisa mais nunca é de mais aprender

    Responder
    • Equipe Mundo da Elétrica

      Obrigado por nos prestigiar!

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)