Muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre os motores elétricos, principalmente os de corrente contínua (CC), que não são tão abordados quanto os famosos motores trifásicos ou de corrente alternada (CA). Pensando nessas dúvidas e querendo te ajudar com esse assunto, o Mundo da Elétrica fez esse artigo para te explicar sobre o motor brushless. Então, vamos lá pessoal!

Motor Elétrico de Corrente Contínua

O motor elétrico DC (Direct Current) é um motor de CC (Corrente Contínua) que precisa de uma fonte com esse tipo de corrente elétrica para funcionar. Esse tipo de motor possui amplos limites e consegue trabalhar com velocidades ajustáveis, possuindo geralmente quatro partes que o constituem: carcaça, bobina indutora ou campo eletromagnético fixo, induzido ou armadura (rotor) e conjunto de escovas.

O motor elétrico DC é mais indicado para partidas de cargas totais, sendo muito usado em elevadores, trens ou metrôs, guindastes, dentre outras máquinas.

Motor Brushless DC (BLDC): Funcionamento e Características!

O motor elétrico brushless também é um motor de corrente contínua, só que ele é síncrono e é um motor sem escova!

Esse motor de CC Brushless é constituído por um rotor feito de ímãs permanentes (em número par) e de um estator feito de bobinas (enrolamentos ou eletroímãs), além da sua carcaça.

Esse rotor feito de ímãs permanentes pode estar em torno do estator ou no seu centro. Além disso, o rotor possui pares de polos definidos por dois ímãs, que são posicionados magneticamente inversos entre si e referentes ao estator. Veja na imagem abaixo duas representações deste motor.

Motor Brushless BLDC: Conheça as suas características!

Representações do Motor Brushless com estator interno e externo!

O movimento do rotor em relação ao estator é feito por meio das forças de atração e repulsão magnética. Ou seja, através de um controlador eletrônico de velocidade (BLDC controlador), o campo magnético da bobina (estator) exerce influência e gera movimento no rotor.

É essa ação que difere o motor brushless do motor de CC convencional, pois a conversão de energia elétrica é feita através destas forças de atração magnética, e não por escovas de contato magnético que deslizam sobre comutadores eletromecânicos.

Outra característica dos motores brushless é que eles podem ser trifásicos, bifásicos ou monofásicos. No entanto, os trifásicos são os mais usados, pois neles existe uma sincronia nas frequências dos campos magnéticos do rotor e do estator.

Vantagens e Aplicações

Em relação ao motor elétrico DC (Corrente Contínua) convencional, o motor brushless possui algumas vantagens, como por exemplo:

  • Vida útil maior: devido ao não uso de escovas, o atrito, o desgaste e a temperatura de trabalho diminuem muito, aumentando a vida útil do motor
  • Manutenção não necessária: não é preciso fazer a troca das escovas de carvão, justamente porque o motor brushless não tem escovas, economizando tempo e dinheiro
  • Potência maior: por não ter atrito, o motor perde menos potência, aumentando a eficiência de trabalho e o torque

Podemos citar também estas características/vantagens abaixo:

  • Interferência eletromagnética (EMI) reduzida
  • Sem ionização do comutador
  • Tamanho e peso reduzidos para a mesma potência
  • Maior economia de energia e tempo de funcionamento
  • Driver de alimentação de 24V ou 48V
  • Maior conversão de energia elétrica em energia mecânica
  • Controle de rotação, velocidade e ângulo por circuito integrado com altíssima precisão
  • Ruído Reduzido e outras

A sua utilização é bem vasta e depende bastante da potência do motor. Ele é muito utilizado em aplicações de controle industrial, em drones/aeromodelos, na robótica e também na instrumentação.

Alguns motores BLDC de baixa potência são usados em hardwares de computador, em coolers, em plataformas giratórias, aviões de controle remoto, dentre outras aplicações. Já os de potência alta, podem ser usados em carros elétricos, empilhadeiras, máquinas de conformação, rádios controlados etc.

O uso deste motor já até conseguiu bater o record mundial de velocidade em aeromodelos com propulsão a hélice, nautimodelos e automodelos!

Atualmente há estudos que estão tentando implementar este tipo de motor em equipamentos como por exemplo, a bicicleta elétrica, o que seria uma grande conquista. Então, para já se preparar para essa inovação, aprenda sobre o funcionamento da bicicleta elétrica no vídeo abaixo do Mundo da Elétrica!

Deixe aqui nos comentários se tiver ficado alguma dúvida ou sugestão, compartilhe este artigo para nos ajudar e continue acompanhando o site do Mundo da Elétrica, para aumentar ainda mais os seus conhecimentos!

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)