O “Benjamin” é um nome popular para adaptadores de tomadas, que também podem ser chamado de “T” ou “Te”. É um dispositivo elétrico usado para multiplicar os espaços para a conexão de plugs em tomadas, podendo assim ligar diversos aparelhos e eletrodomésticos em uma mesma tomada.

Porque benjamin se chama benjamin? Este nome benjamin é em homenagem ao cientista e ex-presidente americano Benjamin Franklin que contribuiu com muitas invenções e estudos na história da eletricidade.

O uso de benjamin é amplamente usado pelos consumidores de energia elétrica, principalmente no Brasil onde se dá pouca importância às recomendações dos projetos de instalação elétrica. A princípio, desde que tomadas todas as medidas de segurança, seu uso não é o problema. O problema é quando ele é usado de maneira inadequada.

Benjamin para uso em tomada

Adaptador para tomadas Benjamin

Cada tomada de uma instalação tem uma potência máxima de aparelhos que devem ser ligados na mesma. Quando usamos o benjamin possibilitamos que mais equipamentos sejam ligados a esta mesma tomada aumentando sua potência.

O aumento de potência em uma parte do circuito faz com que naquele ponto haja um aumento da corrente circulante. Se os condutores e a tomada tiverem uma corrente acima da máxima calculada para aquele ponto do circuito, um aquecimento vai começar a ocorrer e neste momento o benjamin se torna extremamente perigoso. Muitos incêndios residenciais se iniciam pelo mau uso do benjamin e das extensões de tomadas. Explicamos em outro texto sobre como o aquecimento dos fios colabora para o aumento do preço de sua conta de luz.

Adaptador de tomadas sendo usado de maneira inadequada

Uso inadequado de benjamin

Para um uso adequado do benjamin é necessário que haja um equilibro da potência: ao se aumentar a potência de uma tomada usando eletrodomésticos em um benjamin deve se aliviar outras tomadas que estejam ligadas no mesmo circuito. Deve-se também tomar o devido cuidado para que a corrente elétrica neste benjamin não seja maior do que a suportada pelos cabos e pelo próprio benjamin, evitando aquecimento.

Finalizando este artigo vale ressaltar que a segurança em eletricidade deve ser levada sempre a sério devido sua alta periculosidade, neste caso de aquecimento os números de incêndios iniciados por instalações elétricas inadequadas são preocupantes e merecem atenção. Lembre-se do cuidado e atenção que deve ser dada na educação das crianças sempre alertando-as sobre o risco do uso inadequado da eletricidade.

Aviso legal

Todas as informações obtidas neste site e páginas de redes sociais relacionadas a ele são apenas de caráter INFORMATIVO. O Mundo da Elétrica NÃO se responsabiliza por nenhum dano ou prejuízo causado pela execução de ações relacionadas ou não ao conteúdo descrito aqui. Procure sempre um profissional qualificado, sigas as normas e utilize os equipamentos de proteção para qualquer trabalho que envolva eletricidade.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)